Apocalyptica em Porto Alegre.

Data: 23/11/2017

 

Texto Marcel Pfütz, fotos Rômulo Konzen.

Tocando pela primeira vez em Porto Alegre, no dia 21/11, Apocalyptica traz a turnê em comemoração aos 20 anos do seu primeiro álbum, Play Metallica by Four Cellos.

Por mais que eu goste bastante de Apocalyptica, confesso que fiquei um pouco com dúvida de como seria o show.

Por esse primeiro álbum ser totalmente “cru”, sendo somente os 4 violoncelos, sem a bateria e a distorção que eles iriam integrar à banda futuramente, me questionei se isso seria o suficiente para manter o pessoal interessado e empolgado durante todo o show. E foi.

Na primeira parte do show foi tocado o álbum na íntegra. Sem bateria ou distorções, eles conseguiram passar toda a ideia do “metal com cellos” de uma forma perfeita. É surpreendente como o violoncelo consegue tomar conta do local, sendo possível sentir a vibração de cada acorde. Isso sem contar a presença da banda. Eicca Toppinen, Paavo Lötjönem e Perttu Kivilaakso sempre puxando o público e batendo cabeça (sim, headbenging enquando se toca violoncelo, afinal é Metallica!) em contraste a Antero Manninem que permanece sentado e sem expressão durante 99% do show.

Após 50 minutos de show e um breve intervalo a banda voltou agora com seus “recursos” mais atuais. A setlist continuou a homenagear ao Metallica. Os músicos (com exceção de Antero) ficaram cada vez mais empolgados, assim como o público.

Sem dúvida alguma, a banda continua entregando tudo aquilo que se propôs a entregar há 20 anos.

O setlist foi praticamente um greatest do Metallica, e a parte mais impressionante é que o grupo consegue passar todo o peso e empolgação que as músicas exigem. O fato de não ter um vocalista não incomodou nem um pouco, afinal a plateia cantou todas as músicas em uníssono. Um dos públicos mais animados que já presenciei em shows.

SETLIST (Todo composto por músicas do Metallica):

1 – Enter Sandman
2- Master of Puppets
3 – Harvester of Sorrow
4 – The Unforgiven
5 – Sad but True
6 – Creeping Death
7 – Wherever I May Roam
8 – Welcome Home (Sanitarium)
Com Bateria:
9 – Fade to Black
10 – For Whom the Bell Tolls
11 – Fight Fire With Fire
12 – Until It Sleeps
13 – Orion
14 – Escape
15 – Battery
16 – Seek & Destroy
BIS:
17 – Nothing Else Matters
18 – One

Comente:

SIGA




PARCEIROS