Um pouco sobre Southern Rock… e alguns discos essenciais para conhecer o estilo!

Data: 27/07/2017

Por Daniel Ribeiro.

Definir Southern Rock é difícil, apesar de parecer simples. Pra mim, começou nos anos 60 graças a bandas como Creedence Clearwater Revival (que não considero Southern) e The Allman Brothers Band, atingindo uma maturidade regada a muito Jack Daniels com o Lynyrd Skynyrd.

Lynyrd é o símbolo maior do que conhecemos hoje como esse gênero musical e através deles conseguimos compreender as filosofias e atitudes dos músicos que construíram o estilo. Como os mesmos diziam: “Hard drinking, hard touring, hard… men”.

O coração do Southern Rock romantiza a Guerra Civil Americana através de bandas como Black Oak Arkansas, Blackfoot, Molly Hatchet, .38 Special e The Outlaws. Ele também se estende para a música country com o Charlie Daniels Band e Marshall Tucker Band, e aí podemos nomear o fantástico Willie Nelson como santo padroeiro dessa vertente. Hoje em dia temos bandas como Black Crowes, Black Label Society e Kid Rock como seus representantes.

Como diferenciar o Southern Rock do rock clássico? Talvez pelo altíssimo nível de testosterona, engajamento e orgulho histórico e pelos duelos iminentes de guitarra tomando as músicas. Então, vamos parar um pouco de enrolar, colocar um shot de Bourbon pra dentro e vamos tirar a poeira dessas obras incríveis!

Lynyrd Skynyrd – Pronounced Leh-nerd Skin-nerd (1973)

Quase todos os lançamentos pré-acidente de avião da banda podem ser considerados essenciais, mas foi o seu álbum de estreia que definiu, não apenas a banda, mas, de muitas maneiras, o próprio gênero. Nenhuma outra banda de Southern chegou próximo ao que esses caras fizeram nesse disco, em termos de musicalidade, letras e exuberância. A obra de narração de histórias de Ronnie Van Zant tinha duelos de guitarras, artilharia pura, e tudo escrito em músicas como "Tuesday’s Gone", "Gimme Three Steps" ou "Simple Man". Bom, quanto a "Free Bird", acho que essa cravou seu próprio lugar no tempo, e é inegavelmente uma das grandes performances de Rock. Esse é um disco fantástico.

ZZ Top – Tres Hombres (1973)

Bem, seriam os barbudos do Texas uma banda de Southern Rock? Isso é uma discussão que já vem se arrastando há anos, mas a verdade é que, enquanto o ZZ Top foi se distanciando cada vez mais do gênero, seu legado musical e influência na construção desse estilo é inegável. Talvez o melhor álbum deles seja o Eliminator, mas o Tres Hombres mostra uma visão bem única deles acerca do blues, Cajun, funk e hard rock, sem contar seu senso de humor peculiar. Foram músicas como "Jesus just left Chicago", "Beer Drinkers & Hell Raisers" e, inevitavelmente, "La Grange" que fizeram da banda uma gigante da música.

Molly Hatchet – Flirtin’ With Disaster (1979)

Esse é o segundo album dessa banda, que talvez tenha sido condenada a viver à sombra do Lynyrd. Porém, eles tem uma pegada mais pesada, aliada com músicas fantásticas como "Whiskey Man" e "Boogie No More", ajudando esse álbum a ser o mais vendido e conhecido deles nos EUA. A voz cavernosa de Danny Joe Brown aliada ao frenesi  de guitarras triplas deu ao Hatchet um status único, tanto ao vivo quando no estúdio. Eles tem outro álbum muito bom, chamando No Guts… no glory mas ainda acho que esse aqui é o melhor e mais marcante da banda.

Blackfoot – Highway Song – Live (1982)

A Inglaterra se apaixonou pelo Ricky Medlocke e seus comparsas quando eles abriram pros Scorpions em 1980. Dois anos depois, o quarteto voltaria à terra da Rainha, agora como banda principal, para gravar esse grandioso disco ao vivo. Com sangue indígena correndo nas suas veias, o Blackfoot construiu seu próprio altar no panteão do Southern Rock, e provam isso em performances espetaculares como "Every Man Should Know (Queenie)", "Train, Train" e "Dry County". Mas, claro, o melhor estava guardado para "Highway Song", como um verdadeiro caminho para a glória, fazendo os britânicos se renderem à banda (e alguns brasileiros também, como eu).

The Allman Brothers Band – At Fillmore East (1971)

Um dos irmãos casou com a Cher e o outro morreu num acidente de moto. Juntos, eles poderiam ser considerados os fundadores do Southern Rock, ao formarem sua banda em 1969. Eles eram do tipo que davam sempre o melhor de si nos palcos e esse disco captura perfeitamente a essência dos irmãos Allman. Gravado durante uma série de shows no famoso Filmore East em 1971, não é bem um show de divulgação das suas músicas, mas sim uma oportunidade de deixa-los ser quem eles realmente eram no palco, combinando uma energia única com uma confiança fora do normal de grandes músicos. Essa é a obra definitiva do que foram os Allman Brothers e do que se tornaria o Southern Rock.

Outras obras essenciais:

Black Oak Arkansas – High on the Hog (1973)

.38 Special – Wild-Eyed Southern Boys (1981)

The Outlaws – Hurry Sundown (1977)

Comente:

SIGA




PARCEIROS