50 momentos que ajudaram a definir a história do rock – Parte 2

Data: 11/07/2017

Por Daniel Ribeiro.

Aproveitando a semana do dia do Rock, listamos 50 fatos marcantes que ajudaram a defirnir a história do rock. O post está separado por partes com 15 momentos. Caso queira ver a primeira parte, CLIQUE AQUI. A 3ª estará no ar amanhã.

35) Pete Townshend quebra sua primeira guitarra no Railway Hotel (Setembro, 1964): Anos depois Townshend afirmou que isso tinha sido um acidente e que o teto “estava muito baixo enquanto ele pulava”, porém, neste ponto, seu movimento havia se tornado tão icônico que ele tocava nos shows com sua guitarra principal, depois trocava por uma mais barata somente para destruí-la.

34) Bruce Springsteen aparece na capa da Time e da Newsweek na mesma semana (Outubro de 1975): Após apresentar ao mundo seu maravilhoso álbum Born to Run e conquistar todas as paradas, Springsteen não só provou que seria o futuro do Rock como também que artistas do gênero mereciam ser capa de todos os noticiários internacionais.

33) Chubby Checker toca “The Twist” no American Bandstand de Dick Clark (Verão de 1960): A combinação entre a música de Checker e os efeitos visuais do programa de Dick Clark fizeram com que essa música se tornasse o primeiro e mais famoso “rock dançante”, além de um dos singles mais vendidos da história. Músicas como Twist and Shout ou Twisting the Night Away (de Sam Cooke) e até Aneurysm do Nirvana fazem referência a esse clássico.

32) Elvis aparece somente da cintura pra cima no The Ed Sullivan Show (Setembro, 1956): Depois do Sullivan ter inicialmente se recusado a receber o rei do rock em seu programa, ele comprometeu-se (usando a censura) a não mostrar os giros e movimentos das pernas de Presley. O que acontece é que a aparência do artista o catapultou ao estrelato, pois 82,6% das TVS americanas (60 milhões de pessoas) estavam sintonizadas naquele momento.

31) John Lennon é assassinado por Mark David Chapman (Dezembro, 1980): O mundo amanhece em choque e horrorizado quando uma das mais brilhantes e influentes vozes do Rock é silenciada… e por um de seus fãs.

30) A revista Rolling Stone chega às bancas (Novembro, 1967): Com uma foto do John Lennon retirada do filme How I Won the War em sua primeira capa, a revista se tornaria a publicação definitiva e mais influente sobre Rock, bem como um fórum de discussão sobre música.

29) The Jimi Hendrix Experience lança Are you Experienced nos EUA (Agosto, 1967): Com músicas como “Purple Haze”, “Hey Joe”, “Foxey Lady”, “Fire” e “The Wind Cries Mary”, Hendrix toma as rédeas e mostra as inúmeras possibilidades de fazer música somente com a guitarra, lançando um álbum sólido, que poderia ser facilmente uma coletânea do artista.

28) A música “Rock Around the Clock” de Bill Haley and the Comets é utilizada na abertura de “Sementes da Violência” (Março, 1955): A música alta e a delinquência juvenil juntam forças e provocam verdadeiras invasões aos cinemas, tornando essa a primeira música do Rock a alcançar o primeiro lugar da Billboard em Julho de 1955, oficialmente iniciando a “era do Rock”.

27) Bob Dylan entende errado um verso de “I Want to Hold your Hand” dos Beatles como “I get High” (Primavera de 1964): Apesar de ter sido corrigido quando conheceu a banda pela primeira vez em Agosto do mesmo ano, o Dylan apresentou aos Beatles toda a magia e maravilhas misteriosas das drogas. A música dos Beatles (e a cultura pop) nunca mais seriam as mesmas.

26) Os Ramones debutam no CBGB (Agosto, 1974): Com Dee Dee Ramone gritando “1-2-3-4!”, aqueles 4 caras usando calças jeans e jaquetas de couro, o visual mais trivial de uma banda de Rock, com um set de músicas de 2 minutos e 3 acordes, eles apresentariam ali algo inteiramente novo e diferente.

25) Bob Marley grava “Get Up, Stand Up” (Abril, 1973): A música que se tornaria a marca registrada de Marley e um de seus hinos (um mix atemporal de ritmos de funk, reggae e mensagens políticas) e também a última música que tocaria ao vivo, em 23 de Setembro de 1980 pouco antes de morrer.

24) Elvis Presley canta os primeiros versos de “Trouble” no começo de seu show “68 Comeback Special” (Dezembro, 1968): Iniciando uma versão feroz de “Guitar Man”, Elvis fez o primeiro e melhor retorno da história do Rock, recuperando sua coroa como Rei do Rock 10 anos após a sua saída para servir ao Exército.

 

23) Little Richard grava “Tutti-Frutti” (Setembro, 1955): Com um grito de “A-wop-bob-a-lula, a-wap-bam-boom”, um dos artistas mais influentes do Rock apresenta ao mundo a sua marca registrada, acompanhado de uma banda afiada e se seus gritos emocionados de “ooooo!”.

22) Led Zeppelin lança “Stairway to Heaven” (Novembro, 1971): Uma das criadoras do Heavy Metal mostra ao mundo sua música mais famosa, uma balada acústica que se transforma num Hard Rock poderoso, com letras surreais e fantasiosas coroando uma música perfeita. A música influenciaria milhares de guitarristas e músicos e ajudaria a estabelecer o Led Zeppelin como uma das melhores e mais influentes bandas de Rock de todos os tempos.

21) Ritchie Valens “ganha” na moeda um passeio de avião com seus colegas de turnê Buddy Holly e Big Bopper (Fevereiro, 1959): Aquela “moeda” selou o destino desses 3 homens quando o avião onde estavam se acidentou na manhã seguinte, no dia que ficou conhecido como “O dia em que a música morreu”, dando um encerramento sombrio à década selvagem do rock, 1950.

Amanhã lançamos mais 15 momentos.

Comente:

SIGA




PARCEIROS