Tributo emocionante a Michael Jackson no Rio

Data: 30/06/2017

Por Carlos Augusto Monteiro.

Coube ao Rio de Janeiro a oportunidade de sediar o show Tributo ao Rei do Pop, em homenagem a Michael Jackson, justamente em 25 de junho, dia em que se completavam oito anos de sua morte. A noite foi bastante emocionante e cheia de clássicos muito bem executados por Rodrigo Teaser e sua banda, sem dúvida um dos melhores tributos ao “Artista do Século”.

A superprodução lotou o Vivo Rio e, no dia anterior, já havia enchido o Tom Brasil, em São Paulo. A turnê segue fazendo sucesso pelo Brasil e as próximas datas serão 7/7 (Ribeirão Preto), 15/7 (Curitiba)  e 4/8 (Padre Miguel – RJ).

O show recria a estrutura das principais performances de Michael Jackson, inclusive se apropriando, no telão, de imagens que seriam usadas na turnê “This is It”, aquela que acabou nunca acontecendo por causa de sua morte e deu título a um documentário com os ensaios.

No tributo, estão presentes sucessos como “Human Nature”, “Rock with You”, “Billie Jean”, “Beat it”, “Thriller”e “Black or White”, junto com um medley dos Jackson Five, entre outras canções amparadas por uma competente banda. Aparentemente, o show utiliza bases pré-gravadas apenas para os backing vocals, pois não havia cantoras de apoio como em apresentações anteriores.

O espetáculo traz elementos que compunham a produção de Michael Jackson, como bailarinos, efeitos especiais e elevadores de palco. As coreografias, assim como os arranjos e figurinos, também buscam recriar em detalhes os shows do artista. A produção se gaba de ser a única da América Latina com o aval de Lavelle Smith, que coreografou e acompanhou Michael por mais de 20 anos.

Rodrigo Teaser interpreta mesmo Michael com perfeição, nas coreografias e na voz (até falando!), bem como nas mensagems em prol do amor, discurso comumente adotado pelo seu ídolo.  Teaser começou a imitá-lo aos nove anos de idade em programas de TV infantis. Cover reconhecido pela Sony Music, foi convidado em 2003 para representar a América Latina no show 30th Years of Magic, em homenagem a Michael Jackson, em Nova Iorque, onde o próprio esteve presente.

Apesar da data, Teaser desde o início comentou que não tinha o objetivo de fazer um show triste, mas uma festa. De fato, a apresentação teve vários momentos emocionantes, inclusive em uma execução de “Smile” feita com muita dificuldade pelo performer, que chorou diversas vezes. “Smile”, é de autoria de Charlie Chaplin para o filme “Tempos modernos” e foi gravada por Michael no álbum HIStory, de 1995.

Apesar de o homenageado ter uma carreira longa e cheia de sucessos, o show consegue reunir os principais hits em blocos e ainda mostrando várias trocas de figurino. Teaser é um artista modesto que, em diversos momentos, quis deixar claro que é “apenas” um cover. “A festa é de Michael Jackson , eu apenas pego emprestado música, roupas e acessórios para brincarmos por duas horas”, afirmou.

Mesmo com as controversas acusações de assédio sexual a crianças, sofridas por Michael, é fato que o artista é muito querido pelos pequenos. Elas compareceram em grande número junto de seus pais, inclusive imitando em roupas e trejeitos o astro pop. Em determinado momento, foram convidadas a subir ao palco enquanto Teaser cantava "Love never felt so good", do disco póstumo Xscape.

Rodrigo Teaser aproveita a enorme popularidade de seu show para incluir, no início e no fim, canções de sua carreira autoral, que ele deseja fazer deslanchar. No início, é exibido no telão o clipe de uma versão sua para "Lanterna dos afogados", dos Paralamas do Sucesso. Ao final, estimulado pelo seu fiel fã clube, executou “Hey”.

Com o encerramento do espetáculo, o resultado foi uma fila enorme de acesso ao camarim, quando o artista receberia todos os interessados para uma foto. Rodrigo Teaser mostra, assim, que tem orgulho de seguir com a missão de manter Michael Jackson vivo na lembrança de seus fãs.

Confira abaixo um resumo do show, com imagens anteriores de outra performance:

 

Comente:

SIGA




PARCEIROS